domingo, 22 de setembro de 2013

Violent Noise Attack

O Violent Noise Attack é, até onde sei, a primeira banda francesa de grindcore. Eles gravaram em 1988 uma demo tape com 32 músicas em impressionantes 12 minutos. Sons extremamente rápidos e curtos, brutos e simples, lembrando os bons momentos do início do grindcore/noise, diferente deste moderno grind metalizado, cheio de técnica, músicas demoradas e chatas. Aqui não, isso é coisa pra quem gosta da fase boa do Napalm Death, Fear Of God, Sore Throat, Agathocles entre outras brutalidades. 

Eles também participam do split EP com o Agathocles, esmirilhando mais 14 ruídos destruidores lembrando muito o Fear of God.

Em 2005 foi lançada pelo selo brasileiro Sonoros Records a discografia da banda em formato CD de 3".

Final Execution Demo Tape (1988)
01 - Meat Is Murder
02 - Capitalism Sucks
03 - Thrash
04 - Straight Atitude
05 - Nuclear Wasm
06 - Rich Bastards
07 - No
08 - Society Is Victm
09 - Positive War
10 - Brainless Politics
11 - Drinks And React
12 - General Alternative
13 - Fail To Your Kness
14 - Stabbed In The Back
15 - Fucked Up Minds
16 - Media Carlid
17 - Verbal Agression
18 - Corrupted Minds
19 - Positive Thinking
20 - Death Dealess
21 - Straight
22 - Autopsy
23 - Perpetual Movement
24 - Dead Born
25 - Final Execution
26 - Dismembered Corpse
27 - Bad Reaction
28 - False Faced
29 - Negative Way
30 - A New Form Of Rebelion
31 - Positive Gore
32 - True And Pure

Download!

Créditos: http://paynomorethan.blogspot.com.br/2010/11/violent-noise-attack-final-execution.html

Agathocles & Violent Noise Attack - Morally Wrong / Grind 'Till Deafness Split 7" EP (1990)
Agathocles
01 - Well Of Happiness
02 - Judged By Appearence
03 - Solitary Minded

Violent Noise Attack
01 - Final Execution
02 - Vicious Circle
03 - Consumption/Pollution
04 - Slow Death
05 - Charity For Profit
06 - Personal Stand
07 - You're Unfair
08 - Brainless Politicians
09 - Instru-Mental
10 - A Bottomless Pit
11 - Diatribe
12 - Thrash
13 - Blind To The Truth
14 - Slaughter House

Download!

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Knuckle Scraper [Novos links]

A saída de Ryan do Machine Gun Romantics em 2005 marcou o fim da banda mas também o inicío de uma nova com os integrantes restantes, o Knuckle Scraper. O som da nova banda se difere um pouco do MGR principalmente nos vocais, onde a voz mais aguda de Ryan dá lugar aos urros típicos do Power Violence californiano. Logo se nota a influência clássica de Infest, Crossed Out e Spazz, inclusive utilizando a constante alternância de vocais, algo bem característico do Spazz.
Supostamente o primeiro EP da banda, "Max Isn't The Bastard" (625 Thrashcore) teria sido composto originalmente para o Machine Gun Romantics, mas com o fim da banda, o Knuckle Scraper o herdou e alterou algumas letras.
Em 2009 o álbum "R.I.P." (Rescued From Life) marcou o fim da banda. O Knuckle Scraper também participa das coletâneas "Gulf Coast Massacre" (Psycho Wolf Records) com a música "No More" e da coletânea "Trapped In A Scene" (625 Thrashcore) com "Road Rage" e "Crutch".
Os integrantes também passaram por diversas bandas importantes da cena "Gulf Coast" como Insect Warfare, Pretty Little Flower, Hatred Surge e 50/50.
Knuckle Scraper é o nome de uma música do Spazz, o que deve ser o provável motivo para a escolha deles.

Integrantes:
Mikey - Guitarra/Vocal
Alex - Bateria/Vocal
Beau - Baixo/Vocal

Max Isn't The Bastard (2006)
1 - Gulf Coast Power Violence
2 - Swollen Finger
3 - Dona Thrash
4 - C.T.L.D.
5 - Alex Hughes Singa the Blues
6 - Pizza Suicide
7 - Wakari Masu Ka
8 - Terminal
9 - Max Isn't The Bastard
10 - Dissin' The Fuzz Never Gets Old
11 - Mo' Money, Mo' Problems
12 - Big Man
Download

Demo-Lition (2007)
1 - K.S. Theme Song
2 - Shaw Is The Law
3 - Selfish Fuck
4 - Hellpaso
5 - The Thing
Download

R.I.P. (2009)
1 - We Are
2 - Nuke West Texas
3 - Selfish Fuck
4 - Cross The Pit
5 - Shaw Is The Law
6 - The Thing
7 - Crust Fund
8 - Dang'r
9 - That's Life
10 - Gore In The Water
11 - R.I.P.
Download

Myspace