terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Ban This!

Último post do ano, e para terminar bem vamos seguindo em Bologna com mais uma das boas bandas desta recente safra italiana. Desta vez é o Ban This!, que iniciou em 2005 e infelizmente encerrou precocemente já em 2008.
Apesar do país natal, estes jovens não lembram muito as bandas italianas, eles foram influênciados principalmente pela velha escola de hardcore americano, podemos citar Agent Orange, Bl'ast!, Black Flag e Adolescents e por algumas pitadas de surf, o que pode ser notado pela regravação de "Pipeline", clássico do The Ventures. Isto não os torna apenas mais uma banda genérica, eles conseguem fazer boas músicas com bases criativas e um vocal de adolescente com uma boa pronuncia em inglês. Viciei logo de cara com a primeira demo deles.
O registro que marca o início da banda foi a Demo de 2005 e em seguida um Cd Promo em 2006, estes dois com um hardcore rápido e em algumas faixas ficando próximo ao fastcore, ainda em 2006 veio o "Creepy Crawl EP" com as músicas destas duas demos. Já em 2007 saiu o LP "S/T" 12" com músicas ainda mais anos 80, com bons riffs, algumas músicas sem tanta velocidade e já sem tanta cara de fastcore como a característica das gravações anteriores e com um som mais surf e trabalhado, um grande disco. Neste LP duas músicas da demo ganham novas versões (I Love Glam Girls e Ban They Live!). Também é lançado o CD "Psychotic Reactions", com as 25 músicas de todos estes álbuns anteriores (1 - 13: S/T LP; 14 - 18: Promo Cdr; 19 - 25: Demo Cdr). E em 2008 o EP de despedida da banda, o "How to Destroy a Quiet Sleep", um 7" com apenas 4 sons seguindo o mesmo estilo.
O Ban This! fez três tours européias e dividiu o palco com Municipal Waste, Bones Brigade, Dean Dirg, Citizens Patrol, Discarga, entre outras importantes bandas de diversos países.
Em 9 de janeiro de 2009 a banda fez a sua despedida oficial encerrando de vez as atividades, mas os integrantes continuam e também fazem ou fizeram parte das bandas Summer League, Revolution Summer, ED, When Seasons Change, Regain The Shore e Smart Cops.

Discografia:
- Demo 2005 - CDr 2005 (Self Released)
- Promo 2006 - CDr 2006 (self Released)
- vv/aa "Bleeding Teeth & Burning Horses" - CD 2006 (True Side Music)
- "Creepy Crawl EP" - 7" 2006 (Stress to Death - Nothing City - Miss Thrash)
- vv/aa "the Fast side of Italy" - CD 2006 (SYK - Miss Thrash Records)
- "Psychotic Reactions" - CD 2007 (Agipunk, NLHC, Give Blood Records)
- "BANxTHIS! s/t LP" - 12" 2007 (Agipunk Records)
- "How to Destroy a Quiet Sleep" - 7" 2008 (Agipunk, Don't Need Records)

Integrantes:
Fuller - Vocal
Brother E. - Guitarra
Alce Blu - Bateria
Bolo - Baixo

Psychotic Reactions CD (2007)
500 cópias
Labels: Agipunk - NLHC - Give Blood

1 - Learn To Forget
2 - Losing Ground
3 - Pressure - Pressure
4 - Like Glue
5 - What's Inside
6 - Ban They Live!
7 - The Circle
8 - Cold As Ice
9 - I Love Glam Girls (part ii)
10 - Eyes Of A Dreamer
11 - Something To Say
12 - Dig In
13 - Pipeline
14 - Never Say Party
15 - Love This
16 - xGuiltiesx
17 - Stupid Fuckin' Jerk
18 - Creepy Crawl
19 - BanxTro
20 - Another Dead Friendship
21 - Ban They Live!
22 - Sometimes I'd Kill Some
23 - I Fall Apart
24 - I Love Glam Girls
25 - Choose the Worst Solution

Download

How to Destroy a Quiet Sleep 7" (2008)
400 cópias
Labels: Agipunk, Don't Need Records

1- Bl'ast! days in the dumps
2- 9 to 5 to shit
3- the Land of Bore
4- Dementia Paranoides

Download


Myspace
------------------------------------------------------------------------------
Agradeço a todos que acessam, baixam, comentam e divulgam o blog.
Em 2010 tem mais!
Ótimo ano novo a todos.

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

ED - Nailed To The Board + Senza Ragione EP

A Itália continua mantendo a tradição de gerar grandes bandas de hardcore, um exemplo disto é o ED, de Bologna. Este bando de skate punks é influenciado por clássicos dos anos 80 como seus conterrâneos do Negazione e Indigesti, o pessoal da Califórnia do Rich Kids On LSD e JFA e agora também pelo crossover.
Eles mostraram uma grande evolução nos seus últimos lançamentos, tanto em questão à gravação, que está bastante superior aos álbuns anteriores, como também com relação a execução propriamente das músicas. Os sons ficaram mais rápidos, agressivos e técnicos, marcados por um vocal mais presente (e ao que tudo indica, é o mesmo do Ban This!) e por velozes e precisos riffs de guitarra, ficando entre o crossover e o thrashcore e dando uma cara ainda mais "skate hardcore" para a banda.
Me refiro principalmente aos dois últimos álbuns, o "Nailed To The Board" (2007), este com a maior parte das letras em inglês e um excelente cover do Rich Kids On LSD, e o "Senza Ragione EP" (2009), que tem duas músicas em inglês e duas em italiano.

Discografia:
- "Pensa a quanto puo' fare schifo questa società per averci ridotto a fare musica come questa..." - CDr 2001 (Self Released)
- "Non placate il nostro odio" - CDr 2002 (Self Released)
- vv/aa "C'è chi di indifferenza muore" - 2CDr 2003 (Nuclear Chaos Records)
- "Possibilità Deviate" - CDr 2003 (Nuclear Chaos Records)
- 3way split "Crashed Out / ED / Hungry Acid" - CDr 2003 (Self Released)
- Split "Sumo / ED" - 7" 2005 (Nothing City - Salterò - Smartz Rec.)
- vv/aa "Il loro odio, la nostra lotta 1980 - 2005" - 12" LP (Compilation '80s Italian HC Tribute)
- vv/aa "the Fast side of Italy" - CD 2006 (SYK - Miss Thrash Records)
- "Nailed to the board" - 12" LP 2007 (Agipunk Records - Stress to Death)
- "Senza Ragione EP" - 7" 2009 (Don't Need Records Records) Limited 300 copies yellow wax
Integrantes:
Ste
Bido
Mesca
Marco
Forno

Nailed To The Board (2007)
1 - Opposte Visioni
2 - Punk's Not Dead It Just Sucks Now
3 - Time To Think, Skate And Destroy
4 - 40033
5 - Blood Blood Blood
6 - Yes, The Reno Knows
7 - Cliff Burton Rides Free
8 - Nailed To The Board
9 - Misled Youth
10 - Plastic Spoon
11 - Think Positive (Rick Kids On LSD)
12 - Vita Marcia

Download

Senza Ragione EP (2009)
1 - Die Trying
2 - I Proiettili Sono Più Veloci Delle Parole
3 - Genio Spastico
4 - Handy Kicks Indie Kids

Download

Myspace

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Low Threat Profile - S/T 7"

Parem tudo que estão fazendo! Eis um dos mais esperados lançamentos do ano para os amantes de música rápida. Trata-se do Low Threat Profile, um time de craques do power violence/fastcore, sendo composto por membros de três das melhores bandas de todos os tempos: INFEST, LACK OF INTEREST e NO COMMENT!!. O trio é formado por Andy Beattie (No Comment/Man Is The Bastard) no vocal, Matt Domino (Infest/Neanderthal) na guitarra e Bob (Lack of Interest) na bateria. A combinação destes três monstros não poderia resultar em outra coisa senão um dos melhores álbuns do ano.
Mas o Low Threat Profile não é novidade, eles iniciaram na California em 1996 e participaram das coletâneas Reality Part #4 CD/LP (2002 - Deep Six), California Thrash Demolition CD (2004 - 625 Thrash) e Socal Thrash Demolition 7" (2004 - 625 Thrash), mas foi preciso 13 anos de espera para que aparecesse este 7", que saiu este mês pela Deep Six com 100 cópias em vinis vermelhos.
São onze disparos em menos de 5 minutos, sendo que apenas uma passa de 1 minuto.
Quem gosta das outras bandas citadas, certamente irá gostar deste álbum. É baixar e deixar tocando infinitamente no repeat!

Integrantes:
Andy Beattie - Vocal
Matt Domino - Guitarra
Bob - Bateria

1 - Kick My Heart
2 - Time For Rebirth
3 - Judgement Passed
4 - Corporate Cash Lie
5 - Lessons In Cruelty
6 - Build Back Your Walls
7 - Nobody Fears You
8 - Southern Hospitality
9 - Ripe
10 - Product Number One
11 - The Well Seasoned Whore

Download

Imagens: Fashionable Activism

Myspace

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Todos Contra Um - Demo

Ao me deparar com esta banda já fui esperando um som mais melódico, como o nome já sugere, algo mais ao estilo O Inimigo. Notei estar errado logo após alguns segundos da faixa que abre a demo. Me surpreendi e percebi que o negócio era hardcore mesmo, o que ficou bem claro nas faixas seguintes. E hardcore dos bons, sincero, rápido e feio, como deve ser. São claras as influências do thrashcore, o que é bastante evidente no vocal de Diego. Em alguns momentos me fez lembrar Discarga e No Violence. Destaco as músicas "Desejo de Máquina", "A Terra Agradece", "Vivendo e Desaprendendo" e "Sem Nações, Sem Prisões", mas todas são boas. A demo ainda conta com um cover escondido do What Happens Next?.
A banda nasceu em abril de 2008 em Natal, Rio Grande do Norte, e é mais uma das boas revelações surgidas nos últimos anos das escaldantes terras nordestinas.
Diego, Mateus e Alan também tocam no Sailor Edge.
Mas o Todos Contra Um não se resume apenas a tocar rápido, eles também tem a preocupação de expressar suas críticas através de letras que tratam de racismo, sexismo, homofobia e destruição do meio ambiente, letras realmente boas.
E para começar bem 2010, estarão fazendo uma tour pelo nordeste e já planejam lançar mais material, sons ainda mais rápidos. Espero que dê tudo certo.
Ótima banda, recomendo!


Integrantes:
Diego - Vocal
Matheus - Guitarra
João - Baixo/Vocal
Alan - Bateria
Demo (2009)
1 - Intro
2 - Desejo de Máquina
3 - A Terra Agradece
4 - Levante Seu Ego
5 - Quem Se Habilita?
6 - Os Gritos Ainda Ecoam
7 - Sem Nações, Sem Prisões
8 - Perda de Tempo
9 - Tentar Mudar Por Dentro
10 - Vivendo e Desaprendendo
11 - Ditadura da Beleza
12 - Vivenciar

Download

Myspace

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Wheel4x

O Wheel4x surgiu em Kaliningrad, Rússia, local situado entre a Polônia e a Lituania. O som, na sua demo de 2007, era mais voltado para um hardcore punk com certa melodia, já o CD "14 Rockets From W4x", de 2008 (Fast&Easy Rec), mostra a banda com uma proposta mais thrashcore mas sem deixar de mesclar a velocidade com partes mais punk rock, uma boa cominação que torna as músicas viciantes. Com letras em russo, o Wheel4x lembra bastante outras bandas desta região, como Pull Out An Eye e Appleshout.
Integrantes:
Ilya 4x - Vocal/Guitarra
Vitalya 4x - Vocal/Baixo
xBlackxArmyxManx 4x - Bateria


Demo (2007)

14 Rockets From W4x (2008)

Myspace
Créditos: punxunite.ru