terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Ban This!

Último post do ano, e para terminar bem vamos seguindo em Bologna com mais uma das boas bandas desta recente safra italiana. Desta vez é o Ban This!, que iniciou em 2005 e infelizmente encerrou precocemente já em 2008.
Apesar do país natal, estes jovens não lembram muito as bandas italianas, eles foram influênciados principalmente pela velha escola de hardcore americano, podemos citar Agent Orange, Bl'ast!, Black Flag e Adolescents e por algumas pitadas de surf, o que pode ser notado pela regravação de "Pipeline", clássico do The Ventures. Isto não os torna apenas mais uma banda genérica, eles conseguem fazer boas músicas com bases criativas e um vocal de adolescente com uma boa pronuncia em inglês. Viciei logo de cara com a primeira demo deles.
O registro que marca o início da banda foi a Demo de 2005 e em seguida um Cd Promo em 2006, estes dois com um hardcore rápido e em algumas faixas ficando próximo ao fastcore, ainda em 2006 veio o "Creepy Crawl EP" com as músicas destas duas demos. Já em 2007 saiu o LP "S/T" 12" com músicas ainda mais anos 80, com bons riffs, algumas músicas sem tanta velocidade e já sem tanta cara de fastcore como a característica das gravações anteriores e com um som mais surf e trabalhado, um grande disco. Neste LP duas músicas da demo ganham novas versões (I Love Glam Girls e Ban They Live!). Também é lançado o CD "Psychotic Reactions", com as 25 músicas de todos estes álbuns anteriores (1 - 13: S/T LP; 14 - 18: Promo Cdr; 19 - 25: Demo Cdr). E em 2008 o EP de despedida da banda, o "How to Destroy a Quiet Sleep", um 7" com apenas 4 sons seguindo o mesmo estilo.
O Ban This! fez três tours européias e dividiu o palco com Municipal Waste, Bones Brigade, Dean Dirg, Citizens Patrol, Discarga, entre outras importantes bandas de diversos países.
Em 9 de janeiro de 2009 a banda fez a sua despedida oficial encerrando de vez as atividades, mas os integrantes continuam e também fazem ou fizeram parte das bandas Summer League, Revolution Summer, ED, When Seasons Change, Regain The Shore e Smart Cops.

Discografia:
- Demo 2005 - CDr 2005 (Self Released)
- Promo 2006 - CDr 2006 (self Released)
- vv/aa "Bleeding Teeth & Burning Horses" - CD 2006 (True Side Music)
- "Creepy Crawl EP" - 7" 2006 (Stress to Death - Nothing City - Miss Thrash)
- vv/aa "the Fast side of Italy" - CD 2006 (SYK - Miss Thrash Records)
- "Psychotic Reactions" - CD 2007 (Agipunk, NLHC, Give Blood Records)
- "BANxTHIS! s/t LP" - 12" 2007 (Agipunk Records)
- "How to Destroy a Quiet Sleep" - 7" 2008 (Agipunk, Don't Need Records)

Integrantes:
Fuller - Vocal
Brother E. - Guitarra
Alce Blu - Bateria
Bolo - Baixo

Psychotic Reactions CD (2007)
500 cópias
Labels: Agipunk - NLHC - Give Blood

1 - Learn To Forget
2 - Losing Ground
3 - Pressure - Pressure
4 - Like Glue
5 - What's Inside
6 - Ban They Live!
7 - The Circle
8 - Cold As Ice
9 - I Love Glam Girls (part ii)
10 - Eyes Of A Dreamer
11 - Something To Say
12 - Dig In
13 - Pipeline
14 - Never Say Party
15 - Love This
16 - xGuiltiesx
17 - Stupid Fuckin' Jerk
18 - Creepy Crawl
19 - BanxTro
20 - Another Dead Friendship
21 - Ban They Live!
22 - Sometimes I'd Kill Some
23 - I Fall Apart
24 - I Love Glam Girls
25 - Choose the Worst Solution

Download

How to Destroy a Quiet Sleep 7" (2008)
400 cópias
Labels: Agipunk, Don't Need Records

1- Bl'ast! days in the dumps
2- 9 to 5 to shit
3- the Land of Bore
4- Dementia Paranoides

Download


Myspace
------------------------------------------------------------------------------
Agradeço a todos que acessam, baixam, comentam e divulgam o blog.
Em 2010 tem mais!
Ótimo ano novo a todos.

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

ED - Nailed To The Board + Senza Ragione EP

A Itália continua mantendo a tradição de gerar grandes bandas de hardcore, um exemplo disto é o ED, de Bologna. Este bando de skate punks é influenciado por clássicos dos anos 80 como seus conterrâneos do Negazione e Indigesti, o pessoal da Califórnia do Rich Kids On LSD e JFA e agora também pelo crossover.
Eles mostraram uma grande evolução nos seus últimos lançamentos, tanto em questão à gravação, que está bastante superior aos álbuns anteriores, como também com relação a execução propriamente das músicas. Os sons ficaram mais rápidos, agressivos e técnicos, marcados por um vocal mais presente (e ao que tudo indica, é o mesmo do Ban This!) e por velozes e precisos riffs de guitarra, ficando entre o crossover e o thrashcore e dando uma cara ainda mais "skate hardcore" para a banda.
Me refiro principalmente aos dois últimos álbuns, o "Nailed To The Board" (2007), este com a maior parte das letras em inglês e um excelente cover do Rich Kids On LSD, e o "Senza Ragione EP" (2009), que tem duas músicas em inglês e duas em italiano.

Discografia:
- "Pensa a quanto puo' fare schifo questa società per averci ridotto a fare musica come questa..." - CDr 2001 (Self Released)
- "Non placate il nostro odio" - CDr 2002 (Self Released)
- vv/aa "C'è chi di indifferenza muore" - 2CDr 2003 (Nuclear Chaos Records)
- "Possibilità Deviate" - CDr 2003 (Nuclear Chaos Records)
- 3way split "Crashed Out / ED / Hungry Acid" - CDr 2003 (Self Released)
- Split "Sumo / ED" - 7" 2005 (Nothing City - Salterò - Smartz Rec.)
- vv/aa "Il loro odio, la nostra lotta 1980 - 2005" - 12" LP (Compilation '80s Italian HC Tribute)
- vv/aa "the Fast side of Italy" - CD 2006 (SYK - Miss Thrash Records)
- "Nailed to the board" - 12" LP 2007 (Agipunk Records - Stress to Death)
- "Senza Ragione EP" - 7" 2009 (Don't Need Records Records) Limited 300 copies yellow wax
Integrantes:
Ste
Bido
Mesca
Marco
Forno

Nailed To The Board (2007)
1 - Opposte Visioni
2 - Punk's Not Dead It Just Sucks Now
3 - Time To Think, Skate And Destroy
4 - 40033
5 - Blood Blood Blood
6 - Yes, The Reno Knows
7 - Cliff Burton Rides Free
8 - Nailed To The Board
9 - Misled Youth
10 - Plastic Spoon
11 - Think Positive (Rick Kids On LSD)
12 - Vita Marcia

Download

Senza Ragione EP (2009)
1 - Die Trying
2 - I Proiettili Sono Più Veloci Delle Parole
3 - Genio Spastico
4 - Handy Kicks Indie Kids

Download

Myspace

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Low Threat Profile - S/T 7"

Parem tudo que estão fazendo! Eis um dos mais esperados lançamentos do ano para os amantes de música rápida. Trata-se do Low Threat Profile, um time de craques do power violence/fastcore, sendo composto por membros de três das melhores bandas de todos os tempos: INFEST, LACK OF INTEREST e NO COMMENT!!. O trio é formado por Andy Beattie (No Comment/Man Is The Bastard) no vocal, Matt Domino (Infest/Neanderthal) na guitarra e Bob (Lack of Interest) na bateria. A combinação destes três monstros não poderia resultar em outra coisa senão um dos melhores álbuns do ano.
Mas o Low Threat Profile não é novidade, eles iniciaram na California em 1996 e participaram das coletâneas Reality Part #4 CD/LP (2002 - Deep Six), California Thrash Demolition CD (2004 - 625 Thrash) e Socal Thrash Demolition 7" (2004 - 625 Thrash), mas foi preciso 13 anos de espera para que aparecesse este 7", que saiu este mês pela Deep Six com 100 cópias em vinis vermelhos.
São onze disparos em menos de 5 minutos, sendo que apenas uma passa de 1 minuto.
Quem gosta das outras bandas citadas, certamente irá gostar deste álbum. É baixar e deixar tocando infinitamente no repeat!

Integrantes:
Andy Beattie - Vocal
Matt Domino - Guitarra
Bob - Bateria

1 - Kick My Heart
2 - Time For Rebirth
3 - Judgement Passed
4 - Corporate Cash Lie
5 - Lessons In Cruelty
6 - Build Back Your Walls
7 - Nobody Fears You
8 - Southern Hospitality
9 - Ripe
10 - Product Number One
11 - The Well Seasoned Whore

Download

Imagens: Fashionable Activism

Myspace

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Todos Contra Um - Demo

Ao me deparar com esta banda já fui esperando um som mais melódico, como o nome já sugere, algo mais ao estilo O Inimigo. Notei estar errado logo após alguns segundos da faixa que abre a demo. Me surpreendi e percebi que o negócio era hardcore mesmo, o que ficou bem claro nas faixas seguintes. E hardcore dos bons, sincero, rápido e feio, como deve ser. São claras as influências do thrashcore, o que é bastante evidente no vocal de Diego. Em alguns momentos me fez lembrar Discarga e No Violence. Destaco as músicas "Desejo de Máquina", "A Terra Agradece", "Vivendo e Desaprendendo" e "Sem Nações, Sem Prisões", mas todas são boas. A demo ainda conta com um cover escondido do What Happens Next?.
A banda nasceu em abril de 2008 em Natal, Rio Grande do Norte, e é mais uma das boas revelações surgidas nos últimos anos das escaldantes terras nordestinas.
Diego, Mateus e Alan também tocam no Sailor Edge.
Mas o Todos Contra Um não se resume apenas a tocar rápido, eles também tem a preocupação de expressar suas críticas através de letras que tratam de racismo, sexismo, homofobia e destruição do meio ambiente, letras realmente boas.
E para começar bem 2010, estarão fazendo uma tour pelo nordeste e já planejam lançar mais material, sons ainda mais rápidos. Espero que dê tudo certo.
Ótima banda, recomendo!


Integrantes:
Diego - Vocal
Matheus - Guitarra
João - Baixo/Vocal
Alan - Bateria
Demo (2009)
1 - Intro
2 - Desejo de Máquina
3 - A Terra Agradece
4 - Levante Seu Ego
5 - Quem Se Habilita?
6 - Os Gritos Ainda Ecoam
7 - Sem Nações, Sem Prisões
8 - Perda de Tempo
9 - Tentar Mudar Por Dentro
10 - Vivendo e Desaprendendo
11 - Ditadura da Beleza
12 - Vivenciar

Download

Myspace

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Wheel4x

O Wheel4x surgiu em Kaliningrad, Rússia, local situado entre a Polônia e a Lituania. O som, na sua demo de 2007, era mais voltado para um hardcore punk com certa melodia, já o CD "14 Rockets From W4x", de 2008 (Fast&Easy Rec), mostra a banda com uma proposta mais thrashcore mas sem deixar de mesclar a velocidade com partes mais punk rock, uma boa cominação que torna as músicas viciantes. Com letras em russo, o Wheel4x lembra bastante outras bandas desta região, como Pull Out An Eye e Appleshout.
Integrantes:
Ilya 4x - Vocal/Guitarra
Vitalya 4x - Vocal/Baixo
xBlackxArmyxManx 4x - Bateria


Demo (2007)

14 Rockets From W4x (2008)

Myspace
Créditos: punxunite.ru

domingo, 22 de novembro de 2009

The Italian Stallion

O Italion Stallion foi uma banda alemã que começou em 2003 na cidade de Wegberg e terminou em maio de 2008. Eles tocavam thrashcore com constantes mudanças na velocidade, em alguns momentos soando mais punk em outros mais hardcore. Fizeram diversos shows na Alemanha, Bélgica, Holanda e Itália, sempre no estilo descontraído deles e em 3 de maio de 2008 a banda fez o seu último show em Mönchengladbach. O The Italian Stallion defendia os direitos dos homossexuais na cena punk e hardcore. O uso freqüênte dos backing vocals e letras em inglês e alemão repletas de humor são algumas das características desta banda, que a tornam bastante interessante.
Com o fim da banda Marcel e Rix formam o Abfukk, com um som mais voltado para o punk rock. Marcel também é vocalista do Sniffing Glue.

Curiosidade: O nome The Italian Stallian foi inspirado em um filme "adulto" com o até então jovem e desconhecido ator Silvester Stallone.

Integrantes:
Marcel – Vocal
Christian – Guitarra
Jens – Baixo
Rix – Guitarra
Makke – Bateria

...Can Save Our Lifes (demo) - 2004
1 - Rabauken, Spitzbuben & Hurensöhne
2 - BMX Ohne Trix
3 - Anarchosynikalismus
4 - Fastfood Revenge
5 - Don't Stick Your Finger In Your Butthole, Cause Maybe You Will Re-ock-nice
6 - Hasselhoff
7 - Mr. Mondo Jocko
8 - Thanks For The Ride, Dr. Hager
9 - Me vs. You
10 - Knapp Daneben Ist Auch Vorbei
11 - George Whore Bush Is The International Queen Of Sex
12 - Bernd´s Wood-Anthem
13 - Thräshkids Takeover
14 - Nazi Christen Zombies Aus Dem Weltall
15 - Egg Raid On Mojo

Download

The Italian Stallion + Unreleased Tracks - 2005
1 - Intro
2 - The Unseen Homocaust
3 - BMX Ohne Trix
4 - Businessmen Can Suck It
5 - Hasselhoff
6 - Pancakeman's Death
7 - Thräshkids Takeover
8 - Uli Die
9 - Fastfood Revenge
10 - Bernd´s Wood-Anthem
11 - You'll Never Burn The Black Flag
12 - Nerd's Upfront
Unreleased Tracks:
13 - Nazi Christen Zombies Aus Dem Weltall
14 - Rabauken, Spitzbuben Und Hurensöhne
15 - Anarchosynikalismus
16 - Don't Stick Your Finger In Your Butthole, Cause Maybe You Will Re-ock-nice

Download

The Collapze - 2006
1 - The Collapze
2 - Your Statement
3 - Disgust Boy's Fun
4 - Pistolendiktat
5 - Hey Retards, Hey, Hey!!!
6 - Don't Damn Izzy
7 - Spastic Fantastic
8 - Bullenhetze
9 - The Clan Pt.3
10 - Me Vs. You (Go!)
11 - Death Before Disco Aka Bombs Over Himmerich

Download

Back To Thrashland - 2007
1 - Ultra
2 - Dogbite
3 - Can't Say No
4 - Headache In My Pants
5 - S.F.A.L.
6 - Watch Your Speakers
7 - No Fuc UNtil Pregnant
8 - Proud On My Pride
9 - Bud Fuck
10 - Mosquitor
11 - P.C. Ist Vorbei
12 - Verbal Attack II
13 - No I Won't

Download
Myspace
Créditos: 911 Trash

sábado, 14 de novembro de 2009

No Kids - No Kids Attack 7" EP

Brutal! Esse é o meu comentário sobre esta banda. Formada há poucos anos em Tampere, o No Kids, que apesar de ser finlandesa é influenciada principalmente pelo Hardcore americano da década de 80, tanto que são fanáticos por Void. Após alguns shows em agosto de 2008, o guitarrista mudou-se para Londres e a banda está parada deste então, mas com pretensões de voltar. No seu EP 7" "No Kids Attack" eles mostram toda a sua fúria em oito rápidas e violentas músicas sem qualquer sinal de melodia. Este EP inclui ainda um cover do Void, "War Hero" com a marca brutal do No Kids.
Para esconder seus nomes, eles assinam como Suomi-94, Vuonna-85, MM-95 e Windows-98.

Integrantes:
Suomi-94: Bateria
Vuonna-85: Baixo
MM-95: Guitarra
Windows-98: Vocal

Faixas:
1 - No Kids Attack
2 - Stressed Out
3 - Idiot Raus
4 - No Kids For An Answer
5 - More Hate More Love
6 - Hold Fast
7 - War Hero (Void)
8 - 20 Minutes

Download


Myspace

sábado, 7 de novembro de 2009

Asinine Solution

Banda americana que existiu por poucos anos durante a segunda metade da década de 90. Eles são de Chippeawa Falls, Wisconsin e tocavam um ótimo Hardcore recheado de bons riffs de guitarra. Em sua discografia constam o "Escape From Wisconsin" (1996), o "My Dad's a Goat 7"" (Beer City Records - 1997) e o "Cause Effect 7"", este último, produzido pelo Label da própria banda, a Asinine Records, que inclusive foi mais bem gravado que o anterior e para mim é o melhor.
Os membros da banda também tocam ou tocaram na De-facto Oppression, Weaving The Deathbag, Lost Issues, Desolate Void, Apostacy e Invicticus.
O "Escape From Wisconsin" eu nunca consegui encontrar, se alguém puder contribuir ou souber mais alguma informação sobre a banda, eu agradeço.
Enfim, o Asinine Solution não é uma banda muito lembrada, mas vale a pena conhecer.

Integrantes:
Mike - Guitarra e Vocal
Pat - Guitarra e Vocal
Kirk - Baixo
Jasper - Bateria
(*Lee - Vocal no primeiro álbum)

My Dad's a Goat 7"
Faixas:
1 - Hippies on Crack
2 - Flag Burning in Medford
3 - What ever happened to Hyperactivity
4 - Politicians
5 - For My Country
6 - Indecision
7 - Viewpoint

Download

Cause Effect 7"
Faixas:
1 - Title Town
2 - I.D. Please
3 - Smoke Screen
4 - Contradiction
5 - Hardcore Guys Never Smile
6 - Down With Drain-O
7 - No More Farm Animals
8 - Strapped Down

Download

Créditos:
Beer Cheese Guns Blog
Vile76 Blog

domingo, 25 de outubro de 2009

The State - No Illusions EP

Banda de Hardcore Oldschool de Ann Arbor, Michigan, influenciada por Void, Minor Threat, Black Flag, Negative Approach, Discharge, entre outros. Mas no início da banda, em 1979, com Art Tendler, Aaron Jones na bateria e Jim Campbell no baixo, as influências vinham mais de Stooges, após algumas mudanças na formação o estilo também muda, passando a ser mais Hardcore.
Em 1983 eles gravaram um excelente EP 7" chamado "No Illusions" pela Statement Records mixado por Ron Asheton (ex guitarrista do Stooges) e originalmente foram produzidos 1000 cópias. Um disco tão bom quando outros clássicos da época, mas um tanto quanto esquecido. As letras falam sobre militarismo, straight edge e o ódio à polícia; as músicas são curtas, velozes e agressivas. Art Tendler executa bons riffs na guitarra, as vezes mais "rockers" e com pequenos solos, mas sem deixar de ser veloz, Chris Day e Keir Murray conseguem alternar bem a velocidade no baixo e bateria e Preston Woodard com seu vocal raivoso ao estilo de Negative Approach, Void, S.O.A e Necros são as características que marcam este álbum e o tornam um ótimo disco de Hardcore. A qualidade da gravação também não decepciona.

A banda atualmente está ativa e fazendo shows, após uma parada no final dos anos 80 e voltando em 2003 sem Chris.
Eles também têm uma Demo (1983), o LP "False Power" (1987), o LP "All Wrong" (2006), o CD "Nixed Life" (2006), que é uma coletânea com esse EP, a demo, alguns ensaios e gravações ao vivo. E também o "Verboten German EP" com músicas em alemão, o EP "Wuste Dtld", com músicas em inglês e alemão o EP "Sanctimony" (2008) e o split com o Fuck This (2007).
O The State participou da coletânea "Killed By Hardcore", cuja capa tem a mesma arte que o álbum "No Illusions".

Integrantes:
Art Tendler - Guitarra
Chris Day - Baixo
Keir Murray - Bateria
Preston Woodard - Vocal

Faixas:
1 - Subvert
2 - New Right
3 - Attention
4 - Hardline
5 - No Illusions
6 - Police State
7 - Girl Violence

Download

Créditos: http://cantstandthe80s.blogspot.com
Fontes:
http://www.answers.com/topic/no-ilusions-ep
http://bidhardcore.com/2009/01/14/state-no-illusions-og-on-statement-rec

Myspace

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Elasticdeath - Monster Inside Us (Demo)

Some a influência do power violence de bandas clássicas (Infest, Lack Of Interest, e é claro, Spazz), com o de algumas mais atuais (Apathetic Ronald McDonald e Hoy Pinoy), e misture com os antigos seriados japoneses como Ultraman, Spectreman e Jaspion (também conhecidos como tokusatsus) e terá o Elasticdeath. Formada em Resende, Rio de Janeiro em março de 2008 por Robinho e Caio, que já tocavam juntos no Your Last Choice, com o intuito fazer um power violence nos moldes das bandas californianas, convidam então um jovenzinho cheio de energia chamado Nicolas para a bateria. Em setembro de 2008 eles gravam a demo "Monster Inside Us", sendo que a bateria foi gravada pelo próprio Robinho. O Robinho também tocou bateria na extinta Bandana Revenge e ainda toca no ZäHC.

O Elasticdeath não faz feio e dá conta do recado mandando um bom power violence cheio de quebras de ritmo, trechos mais cadenciados, vinhetas de TV e letras em inglês. Eu recomendo!
Para o futuro já estão previstos os splits com o Obsesif Kompulsif (Indonésia) e com o Wheelchair Wheelchair Wheelchair Wheelchair (Escócia). Boa sorte à banda!

Integrantes:
Robinho "Baltan" - Six Deadly Strings/Deep Voices/Kid Voices
Caio "Chong" - Four Iron Strings/Fat Voices/Screams
Nicolas "Nicrevis" - Two Sticks Of Doom

Monster Inside Us Demo
Faixas:
1 - Death And Sorrow
2 - The Shaolin Masters Have No Mercy
3 - Mr. Kato And His Boring Life
4 - The Air You Breathe Is Poisoned
5 - Prelude For U Bloody Vengeance
6 - I Against The World Of Shit
7 - I'm Dead
8 - Ultraman Doomed In Rio De Janeiro
9 - Ancient Powers Of The Blind Master
10 - One Way Down To Death
11 - Chow Yun-Fat For President
12 - Mindless Arrogant
13 - JWY

Download

Entrevista com a banda (Blog Causador de Discordia)
Myspace

domingo, 18 de outubro de 2009

Malignus Youth - S/T EP

Banda de Sierra Vista, Arizona que começou em 1987 por amigos e colegas de escola, inicialmento a formação era James Martin (guitarra), Tom Shelden (baixo), Octavio Olaje (vocal), Troy Lawrence (guitarra) e Mike Lawrence (bateria). Mike não demora para deixar a banda, para o seu lugar entra Mike Armenta. Seu som vai se tornando cada vez mais rápido, com introduções mais lentas, músicas bem estruturadas e unindo melódia à velocidade, resultando num estilo único. Assim, eles passam a tocar mais frequentemente.
Em janeiro de 1988 eles gravam 8 músicas ao vivo no quarto dos pais de James, que se tornou um estúdio, estas músicas formaram o primeiro EP da banda, chamado de "Malignus Youth" pelo seu novo label, O Youth Inc Records com um número bastante limitado (1000 cópias). Eles acabam chamando a atenção da Epitaph Records, que os oferece uma oportunidade para gravar, mas eles rejeitam e em 1990 gravam o seu segundo EP no mesmo quarto, de forma totalmente "Faça Você Mesmo", o mesmo foi chamado de "Crisis" e foi dedicado à pessoas próximas que haviam morrido. Este EP mostrou uma evolução técnica e uma maior complexidade e harmonia no som, algo bastante incomum para o estilo, mostrando mais claramente a influência de música clássica. Os discos seguintes foram o LP "More To It" de 1991, gravado da mesma forma que os anteriores, em seguida o "Missa Brevis/Ephemeral" CD, lançado em 1998, e uma coletânea chamada "Vinyl CD" que contém as músicas dos dois EPs e o "More It".
A banda parou em 1994, em 1999 voltou e fez mais algumas tours, mas encerrou novamente em 2001.
Deixo aqui o primeiro EP da banda, neste álbum que mostra o Malignus Youth tocando um hardcore altamente veloz com os vocais de garotinho de Octavio.

Integrantes:
James Martin - Guitarra/Vocal
Octavio Olaje - Vocal
Tom Shelden - Baixo/Vocal
Mike Armenta - Bateria/Vocal

Malignus Youth EP
Faixas:
1 - Malignus Youth
2 - I Think I Know
3 - Go Ahead
4 - Again
5 - So This Is Life
6 - In These Thoughts
7 - Power Trip
8 - The Only Unknown

Download

Fontes:
Myspace
Wikipedia

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

White Male Dumbinance

Com o nome inspirado em uma música e álbum do B.G.K., o White Male Dumbinance é uma banda australiana bastante recente de Newcastle, New South Wales, que toca um esmagador Hardcore/Power Violence inspirado em Infest, No Comment, Crossed Out, Neanderthal e Lack Of Interest. Seus integrantes tocam ou tocaram no Arms Reach, Life.Love.Regret, The Dead Walk!, Conation e Captain Cleanoff. O White Male Dumbinance tem uma Demo (2007), o Forced Vengeance 7" (2008) e o split 7" com Masstrauma (2008). Na demo eles tocam covers de Infest, Copout e No Comment, o cover do Infest também aparece no Forced Vengeance. Altamente recomendado!

Integrantes:
Neanderdolan - Sasquatch Vox
Chips - Genocidal Guitar Tricks
Murray Pattern Bitterness - Blast Beat Bomber
Chad - Bass For Ya Face


Demo
Faixas:
1 - Why Don't You (Infest Cover)
2 - Race Traitor
3 - I Don't Think So Honey
4 - Weekend Warriors
5 - Patrick Swayze's Lifeline
6 - Cock Diesel
7 - Return (Copout Cover)
8 - Hollow Men
9 - No Shit Sherlock
10 - What The Fuck
11 - Push Down And Turn (No Comment Cover)

Download

Forced Vengeance 7"
Faixas:
1 - Forced Vengeance
2 - Race Traitor
3 - The Horrific Stench Of War
4 - What Bends Doesn't Break
5 - Dehumanized Nation
6 - Patrick Swayzes Lifeline
7 - Male Pattern Bitterness
8 - What Have I Done
9 - Estranged
10 - No Shit Sherlock
11 - Why Don't You (Infest Cover)
12 - Screws

Download

Split 7" With Masstrauma
Faixas:
White Male Dumbinance
1 - Hollow Men
2 - I Don't Think So Honey
3 - The Bodies Show Signs of Carnal Violence
4 - What's Wrong With Me
5 - What In The Fuck
6 - Weekend Warriors
7 - Cock Diesel
Masstrauma
8 - Microwaves And Laserbeams
9 - Jag Förstår Inte
10 - Get Rejected
11 - Glue (Stuck in 82)
12 - Snakes On a Plane

Download

Myspace