segunda-feira, 23 de junho de 2014

Infect


Infect foi uma banda de São Paulo formada em 1998. Se uma banda formada apenas por mulheres já não é algo muito comum no hardcore, ainda mais difícil é encontrar uma banda com um som tão rápido feito por garotas. Elas tocavam um fastcore influenciado por Lärm, Seein Red, No Violence e Discarga. Suas curtas músicas expunham críticas políticas e sociais, problemas como o machismo, preconceito e homofobia, que existem até mesmo no meio do punk/hardcore. 

Surgiram na mesma época em que o fastcore estava renascendo, e quando estavam surgindo algumas das principais bandas do gênero no Brasil, como I Shot Cyrus e Discarga. Estas bandas participaram da coletânea Thrashmaster, juntamente com Newspeak, Test Ban Treaty e Insanus.


Sua discografia, além da coletânea, é formada por uma demo tape de um ensaio, a demo Sendo Fogo, um 7" EP (2001) lançado pela Cospe Fogo, cujas músicas também fizeram parte do EP Estrépito (2002), lançado pela Commitment Records, da Holanda. O CD Split com o Discarga (2002) e o CD/LP Indelével (2003), o único full length delas durante sua existência, lançado pela 625 Thrashcore. A banda terminou em 2003, mas em 2007 a 625 Thrashcore lançou o CD Complete Discography 1998-2003, contendo toda discografia da banda, incluindo a demo e gravações inéditas ao vivo. 


Além do Infect, suas integrantes tocaram em diversas outras bandas. Estela no Dominatrix, Bianca no Arma Laranja e Tatiana também passou pelo No Violence, I Shot Cyrus, TPM, entre outras e Indayara foi a vocalista do Menstruação Anárquica e Juliana hoje toca na americana Replica.

(As demos não estão com uma qualidade muito boa, mas foi o que eu consegui. Se alguém tiver uma versão melhor, eu agradeço.)

Integrantes: 
Indayara - vocal
Estela - bateria
Tatiana - baixo
Juliana - guitarra
Bianca - guitarra


Sendo Fogo Demo

Demo Ensaio

Estrépito 7" EP (2002)

Infect - Discarga Split CD (2002)

Indelével CD/LP (2003)

Complete Discography 1998-2003 CD (2007)

Nenhum comentário:

Postar um comentário